Lê Almeida antecipa sexto álbum com single “Interior De Qualquer Desordem”

Um dos principais nomes da cena independente do Rio de Janeiro, Lê Almeida abre o coração e amplia seus experimentos em “Interior De Qualquer Desordem”. O single já disponível em todas as plataformas de música digital antecipa seu novo álbum “Aulas”, que será lançado no dia de Natal e mostra o artista lidando com perdas e luto.

Ouça “Interior De Qualquer Desordem”: https://smarturl.it/IDQDLeAlmeida 

“Esse disco sai no Natal por uma simbologia nossa de data – meu pai, que faleceu em 2018 e faria aniversário nessa data. Minha mãe morreu esse ano, em março. Hoje, morando só eu e minha irmã, ter a meta de criar um disco no meio de uma dor e com o coração partido me motivou muito a seguir em frente. Deu força e luz. Esse disco dá início a uma fase mais experimental, em termos de sonoridades, instrumentos e melodias”, conta Lê.

Artista prolífico, Lê Almeida prepara o lançamento do seu 6° álbum após duas longas turnês com o Oruã por EUA e Europa e fazendo parte da lendária banda americana Built to Spill. E depois de tantas jornadas, ele se viu preso em casa pela pandemia. Ali, buscou aprofundar no conhecimento interno e de criação musical. É de onde vem o nome do disco, “Aulas”, em uma referência à gíria carioca.

“Eu não tinha planejado tanto, mas em meio à quarentena e dentro de casa em um bairro que eu gosto e me sinto confortável, o disco só veio numa onda. ‘Interior de Qualquer Desordem’ veio de umas combinações de acordes no violão, passei a gastar um tempo em casa praticando acordes e melodias que antes eu não gastava. Colocar um violino foi um pouco um pretexto para aprofundar em sonoridades variadas”, explica ele.

E o violino é uma participação especial de Rumi Kuzmic, da Distant Family. Ele e Lê se conheceram em Idaho após o fim da turnê de 20 anos do “Keep Like a Secret”, do Built to Spill. A música conta com o artista nas guitarras, violão, bateria, metalofone e voz, Bigú Medine no baixo e João Casaes no synth e masterização. “Interior de Qualquer Desordem” é um lançamento da Transfusão Noise Records.

Ouça “Interior De Qualquer Desordem”: https://smarturl.it/IDQDLeAlmeida 

Ficha Técnica:
Lê Almeida – guitarras, violão, bateria, metalofone e voz
João Casaes – synth e masterização
Bigú Medine – baixo
Rumi Kuzmic – violino

 

Diego Fernandes Escrito por:

Bebedor desenfreado de café e averso a picanha, Diego é desenvolvedor front-end e professor. É o fundador do Duofox. Na literatura não vive sem os russos Dostoiévski e Anton Tchekhov e consegue "perder" tempo com autores da terra do Tio Sam, Raymond Chandler e Melville. Acredita que a arte de maneira geral é a única forma de manter o ser humano pelo menos acordado, longe do limbo que pode levar a humanidade à Encruzilhada das Almas.

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *