Oficina de fotografia com Laura Aidar

Neste último sábado 12/11, acompanhamos a Oficina de fotografia organizada pelo Coletivo Feminista Classista Ana Montenegro-Atibaia. Laura Aidar ministrou a oficina, ensinando conceitos de fotografia tais como: enquadramento, luz, sombra, contrastes, textura etc. 

Um dos objetivos da oficina, foi caminhar pelas ruas que representaram a segregação racial na época da escravidão, para que os participantes compreendessem o contexto histórico da exploração dos negros. O percurso foi da Rua 13 de Maio, até a Igreja do Rosário (Conhecida por Igreja dos Escravos) e o regresso foi feito através da Rua José Lucas. 

Todos os participantes fizeram o percurso, registrando cada detalhe conforme a perspectiva e grau de importância de acordo com a bagagem cultural. Detalhe que é representativo no momento de fotografar, criando individualidade, mesmo na unidade do tema. 

Mais uma vez agradecimentos ao  Coletivo Feminista Classista Ana Montenegro – Atibaia,  por proporcionar uma oficina muito bacana. ATé a próxima.

no images were found

 

 

 

Diego Fernandes Escrito por:

Bebedor desenfreado de café e averso a picanha, Diego é desenvolvedor front-end e professor. É o fundador do Duofox. Na literatura não vive sem os russos Dostoiévski e Anton Tchekhov e consegue "perder" tempo com autores da terra do Tio Sam, Raymond Chandler e Melville. Acredita que a arte de maneira geral é a única forma de manter o ser humano pelo menos acordado, longe do limbo que pode levar a humanidade à Encruzilhada das Almas.

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *