Wills Tevs lança Espasmonumental

Ouça Espasmonumenal: https://bit.ly/3ffdLZf

Fotos com crédito de Rafael Ferreira e letras:https://bit.ly/3BRtbwt

Wills Tevs lança hoje (30 de julho) Espasmonumental, seu aguardado disco de estreia. Já disponível nas principais plataformas de streaming, o álbum traz 11 canções autorais em que prevalecem a versatilidade e o senso de urgência do artista paulistano. Dinâmico e carregado de influências que vão do indie rock ao synthpop, Espasmonumental é um passeio por emoções extremas.

“A Sós” abre o trabalho e serve como carta de intenções com seu arranjo surpreendente, que equilibra o pop elegante com o rock pesado. No decorrer do álbum, o ouvinte vai se deparar com outras surpresas, como o diálogo com o ska em “Pretérito Imperfeito” e com o R&B em “Obra do Acaso”, ou a fusão inusitada entre punk e bossa nova em “Euforia”.

Aliando letras que refletem sobre aspectos do cotidiano (pós)moderno a melodias cheias de personalidade, Wills faz do dinamismo o seu motor e prova que tem fôlego necessário para contribuir com a renovação da cena independente brasileira.


Rodrigo Cunha e Gustavo Arruda (Plutão Já Foi Planeta) assinam a produção de Espasmonumental.  O disco conta com participações mais que especiais de Anna Cézar (da banda Ayppi), das cantoras Lapricis e Crizzan, do percussionista Pedro Amparo e do próprio Gustavo, que divide os vocais com Wills na emocionante “Pulo No Mar”. A distribuição é da Agulha Produções.

Ouça Espasmonumental no seu streaming favorito: https://tratore.ffm.to/espasmonumental
Para acompanhar Wills Tevs nas redes sociais:
Instagram – instagram.com/willstevs
YouTube – youtube.com/willstevs

Diego Fernandes Escrito por:

Bebedor desenfreado de café, Diego é desenvolvedor front-end e professor. É o fundador do Duofox. Na literatura não vive sem os russos Tolstói, Dostoiévski e Anton Tchekhov e consegue "perder" tempo com autores da terra do Tio Sam, Raymond Chandler e Melville. Acredita que a arte de maneira geral é a única forma de manter o ser humano pelo menos acordado, longe do limbo que pode levar a humanidade à Encruzilhada das Almas.

seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.