# Abutres não ouvem jazz – EP11 – Música para quarentena – Parte 2

E para quem achava que nossas indicações de músicas para enfrentar a quarentena tinham acabado, caiu do cavalo! 

Aqui estamos nós de novo. Tito Cepoline, Diego Fernandes, Fabiana Ramos e Felipe Terra comandando mais um episódio de podcast para quem ama música acima de qualquer arte. 

Arruma um fone de ouvido decente e fica de boa. A noite é longa e talvez dê para escutar tudo o que separamos aqui!

ABAIXO SEGUE A PLAYLIST DESSE EPISÓDIO 

MÚSICAS
OZZY OSBOURNE
Ordinary Man – Ordinary Man (faixa título) – 2020 *participação Elton John*

SEPULTURA
Ambush – ROOTS – 1996
Menção honrosa
Disco novo – Quadra de 2020

Soulfly
FEEDBACK – RITUAL- 2018

SLAYER
DISCIPLE – God hates us all – 2001
Menção honrosa ao cover do Minor Threat
FILLER / I DON´T WANT TO HEAR IT – Undisputed Attitude – 1996

CONVERGE
Melancholia – Beautiful Ruin, de 2017

LEPTOSPIROSE
GEDN – Invernada- de 2005
Menção honrosa
Arquivo Noro – Invernada- de 2005
Oswald Spider do Mula Poney, 2007

MAGUERBES
BASE D´AGUA – FUTURO- 2015
Menção honrosa:
BELA VISTA do EP Vila Rica – 2012

CRASSO SINESTESICO
Naquela esquina, do disco RORSCHACH
Menção honrosa:
Agua Adocicada – do disco Ponto de Ruptura

SORRY FOR ALL
Sad but Chaped – Drogas, Drogas e Rock n roll – 2019

FERNANDO MARANHO
October – Hipercubo – 2016
Menção honrosa:
Pareço moderno (Cérebro Eletrônico) – Pareço Moderno (faixa título) – 2008

VERCEL 
CAMINHOS DO FUTURO – Single de 2018

BIZZARRES *segue link abaixo*
Você não sabe o que quer – EP TEMPOS BICUDOS, 2004

THE VELOCIRAPTORS
All Night Long – Road to Sangrila, 2020

Camarones Orquestra Guitarrística
Silencio, Barulho a Vista – Rytmus Alucynantys, 2015
Menção honrosa:
Rytmus Alucynantys – faixa título 2015 – com participação do Joao Lemos
Tex Mex Camino – com participação do Joao Lemos

MOLHO NEGRO
Não é nada disso que você pensou, 2017 – faixa título que abre o disco!!!!
Menção honrosa:
Mainstream,- Não é nada disso que você pensou – 2017
Novo Rosto – NORMAL – 2018

PRESTO?
Seja previsível – Atentado Sonoro de 2003
Menção honrosa:
Desempregrind (Hutt) – Apocalipster – 2017 * vinheta hilária*

SICK TERROR
É sempre pior – Eu me vendo por bem menos que você imagina – 2006

FACADA
AMANHA VAI SER PIOR – NADIR – 2017

DESALMADO
SAVE US FROM OURSELVES – Save us from ourselves – 2018 (faixa título)

Againe – Só diz não sei – Sem Açucar EP
Polara – Empate – Inacabado
Caxabaxa – “Dinovo (Amigo Só De Chapéu)” – O ABC Dário Do Caxa
Noção de Nada – Diploma –  Trajes E Comportamentos De Acordo Com Os Eventos E As Ocasiões
Noção de Nada – Feliz – Trilogia Suja De Copacabana
Giallos – Blaxxxploitation – Blaxxxploitation EP

Passo Torto – Um homem só – Passo Elétrico (Personal Choice)
Passo Torto – Helena – Passo Elétrico
Rômulo Fróes – Minha Casa – No chão sem o chão
Metá Metá – Vale do Jucá (Siba) – Metá Metá
Elizeth Cardoso – Barracão –  1968 / Dolores Duran – Noite do meu bem – Canta Para Você Dançar

Cartola – O mundo é um moinho – Cartola (1976)
Nelson Cavaquinho – O juízo Final – Nelson Cavaquinho (1973)
Baden Powell e Vinicius – O canto de ossanha – Os Afro-sambas
Jorge Ben – Ponta de lança africano – África Brasil

Ney Matogrosso – Noite Torta – Álbum/Atento Aos Sinais (2013)
Adriana Calcanhoto – Esquadros – Álbum/Senhas (1992)
Arnaldo Antunes – O Pulso – Álbum/Õ Blésq Blom (Titãs 1989)
Belchior e Fagner – Aguapé – Álbum/Objeto Direto (1980)

Sujeito a Lixo – Mixórdia – Álbum/Birambola Zambira Mustafa (2012)
Maysa – Barquinho (11° Disco de estúdio de 1961 pela Colúmbia Records)
7. Paula Toller – À Noite Sonhei Contigo – Só Nós (2007) 2° Disco solo (57 anos) Diva
Druques – Estado Terminal – Álbum/Nuvem Negra (2013) 2° Disco da banda

Tim Maia – Ela Partiu – Meus inimigos (Compacto) 1976
Eric Clapton – Layla – Álbum/Eric Clapton’s Rainbow Concert (1973) Hard rock, Blues-rock, Rock clássico
Neil Young – Harvest – Álbum/Harvest Moon (1992)
12. R Plus, Dido – The Last Summer (2019) – Dance/Eletrônica

Coletânea “Grito suburbano” (1982) Destaque – Banda Inocentes – “Medo de Morrer”
Coletânea “SUB” (1983) Destaques – Banda Cólera – “Quanto vale a liberdade” – Banda Ratos de Porão – Vida Ruim”
Coletânea “O começo do fim do Mundo” (1982) Destaque – Banda Lixomania – “PUNK”

Coletânea “Ataque Sonoro” (1985) Destaques – Banda Espermogramix – “Trabalhadores brasileiros”- Banda Armagedom “Mortos de fome”
Coletânea CENAS ANARCO PUNKS (1995) Destaques – Banda Pós Guerra “Terra Natal” – Banda Metropolixo “Filhos da Terra”
Banda Execradores. Música: “Ocupação” Split Demo das bandas Metropolixo e Execradores Ideologicamente Perigosos” (1995)

Banda Noise – Música: “Isecurity” – Do LP Demotapes 1991 a 1995
Banda ATAQUE EPILETICO – MÚSICA: “Cemitério seu futuro lar” do LP “Ataque Epilético 1986 a 2009 misantropia o legado, abduzidos pela desgraça”
Banda Bosta Rala – Música “Idiota” do LP Idiota (1995)
Banda Abuso Sonoro – Música “Sangue e Destruição” do EP Jogo sujo (1994)

Banda Agrotóxico – Música: “Tendências Marginais” do álbum Caos (1998)
Banda Náusea – Música “Cybergod” do EP Cybergod (1991)
Banda Defiance – Música “Born” do LP Born (1995)
Banda Los Crudos – Música: “Assassinos” da Discografhya (2002)

Banda Riistetyt – Música: “Sun Elama, mun kuolema” do LP Ortjah Jakurjat (2003)
Banda Rattus – Música “Uskonto on vaara” do LP Uskonto on vaara (1983)
Banda Força Macabra – Música “A queda” do LP Caveira da Força (2002)
Banda Conflict – Música “ The serenade is dead” EP “ The serenade is dead” (1983)

Banda Varukers – Música “Fuck you up” do LP Humaty (1996)
Banda Discharge – Música “The nightmares continues” LP Hear nothing, see nothing, say nothing (1985)

Banda Homomilitia – Música Multinationals…Do EP Twoje Cialo – Twoj Wybor (1996)
Banda Eskorbuto – Música “Mucha policia, poca diversion” do LP Eskizofrenia (1985)
Banda Ultimo Gobierno – Música “Sigo Sonãndo” do LP Sigo Sonãndo (2000)
Banda Sin Dios – Música “Ingobernables” do LP Ingobernables )2000)

Trilha sonora do episódio
1 – Keep on Knocking – Death
2-É sempre pior – Sick Terror
3-Agressão/ Repressão – RDP
4 – Homem só – Passo Torto
5 – Helena – Passo Torto

Felipe Terra Escrito por:

Professor e amante da arte literária, atua na área da educação desde 2011. Viciado na música de Bach, Mozart e Chet Baker, e na literatura de Raymond Chandler, Ross Macdonald e Paul Auster. Ama escrever e acredita que poderia ler mais, porém, precisa dormir, infelizmente. Consegue passar horas jogando pôquer ou xadrez com os amigos. Degustar pizzas de queijo e bacon é um dos passatempos prediletos em horas de fome extrema.

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *