APNEA entra em estúdio para gravar álbum de estreia

Com proposta de apresentar um som influenciado pela música dos anos 70 e 90, mesclando grunge, heavy metal e stoner rock, a banda APNEA segue divulgando o recém lançado EP ‘Salt Water’. O disco está disponível em todas as plataformas digitais através da Monstro Discos e em formato físico pela Peculio Discos – selo do baterista Mauricio Boka.

A banda reúne músicos já conhecidos dentro do cenário underground regional e nacional, como Mauricio Boka (Ratos de Porão, ex- Psyschic Possessor, ex- I Shot Cyrus, ex- Safari Hamburguers), Marcus Vinicius (ex – Safari Hamburguers, ex- Bayside Kings), Nando Zambelli (ex- Garage Fuzz) e Gabriel Imakawa (Jerseys).

Após a ótima recepção do público e mídias especializadas, APNEA está em estúdio novamente para trabalhar no álbum de estreia, com previsão de estreia para o próximo ano. O álbum seguirá a temática já utilizada pela banda, com riffs afiados, vocais melódicos mas cheios de energia e batidas que remetem aos estilos stoner metal e Sludge dos anos 90.

Apesar de contar com músicos já conhecidos da cena underground brasileira, a APNEA surge explorando sonoridades jamais experimentadas por nenhum dos membros do grupo, fazendo dessa ‘novidade’ o combustível para encarar com alegria e honestidade um novo universo da música.

Formado em 2019 na cidade de Santos/SP – berço de grandes nomes do underground nacional -, o APNEA surge quando Mauricio Boka convida Marcus Vinicius para mostrar as ideias que tinha na cabeça a muito tempo e testar a construção de um estilo e uma identidade sonora. Após algumas jams, recrutam o guitarrista Nando Zambelli, e a linguagem musical começa a se definir com mais clareza. O baixista Gabriel Imakawa chega para completar o quarteto que passou a ensaiar com frequência, compondo e aprimorando o estilo da banda.

Em agosto de 2020, a banda entra em estúdio para gravar suas primeiras músicas, que foram lançadas este ano no EP ‘Salt Water’. O material foi gravado em Santos no Electro Sound Studio, estúdio comandado por Marcão Britto (ex- Charlie Brown Jr). A produção, mixagem e masterização é assinada por André Freitas.

Devido a pandemia do coronavirus, a banda aguarda momento oportuno para fazer sua estreia nos palcos e apresentar toda sua energia neste novo projeto.

Gênero: post grunge e stoner metal

Faixas:
Star King
Cruel

Gravação: Electro Sound Studio
Produção: André Freitas
Master e mixagem: Andre Freitas
Arte da Capa: Gabriel Imakawa
Fotografia: Ana Cláudia Lattari
Selo: Peculio Discos
Formação:
Mauricio Boka (baterista)
Marcus Vinicius (vocal)
Gabriel Imakawa (baixo)
Nando Zambelli (guitarra)

Diego Fernandes Escrito por:

Bebedor desenfreado de café, Diego é desenvolvedor front-end e professor. É o fundador do Duofox. Na literatura não vive sem os russos Tolstói, Dostoiévski e Anton Tchekhov e consegue "perder" tempo com autores da terra do Tio Sam, Raymond Chandler e Melville. Acredita que a arte de maneira geral é a única forma de manter o ser humano pelo menos acordado, longe do limbo que pode levar a humanidade à Encruzilhada das Almas.

seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.