Neptunea lança clipe inspirado em filme de terror

Eles vivem, nós dormimos. A partir da célebre frase do filme “They Live” (1989), de John Carpenter (Halloween, The Thing), a Neptunea lança o clipe “Eles Vivem”como uma reflexão sobre o tema central do filme de terror, que alia o capitalismo a seres de aparência assustadora, enquanto trabalhadores são escravizados sem nem ao menos perceber.

“‘Eles vivem’ é uma reflexão sobre medos e desejos, paixões e aversões, orgulho e fanatismo, frutos do ego que, quando não observados ou reconhecidos, nos levam a agir sob seu comando.  O conceito do filme mostra, em metáfora, algo parecido ao da reflexão sobre o ego.”, explica Rafa Bulleto, multi instrumentista e criador da Neptunea.

Numa linguagem inspirada em Connan Mockasin e Flaming Lips, a Neptunea cria seu próprio universo único e  bizarro, usando pinturas faciais e objetos do cotidiano. O cenário é composto por equipamentos sonoros, plantas, cristais e objetos antigos. “Durante a quarentena e o isolamento social, me aproximei muito das plantas e elas tiveram um papel muito importante sendo, muitas vezes, a única companhia nos dias de solidão. Elas não podiam ficar de fora desse vídeo. As plantas se fundiram com parte do elenco através da caracterização feita pela Ana Zumpano. Nossa ideia era mostrar uma relação bem estreita entre pessoas e plantas”, revela Rafa.

“A atmosfera minimalista e magnética faz a trilha sonora para esse sono da consciência. Vocais calmos e reverberados trazem a mensagem, não muito confortável, mas necessária: “Eles vivem, nós dormimos”, passando a ideia de que, enquanto o ego e suas questões imperam, nós vivemos inconscientes, como em sono profundo e assim, não somos donos de nossas escolhas nem do nosso destino.”, avalia Rafa. No vídeo, isso é mostrado através da transformação visual dos personagens.

O elenco foi composto por pessoas que compartilharam a quarentena com o músico, parte de sua família e membros da Antiprisma, banda da qual Rafa também faz parte e dividiu alguns dias durante esse período.

O músico Rafa Bulleto traz em sua trajetória passagens pelas bandas Bike, Sara Não Tem Nome, Antiprisma e Fluhe. O artista deu início a seu trabalho sob o nome Neptunea, onde compõe, grava e produz sua música individualmente, expressando seus sentimentos, suas reflexões sobre o mundo e si mesmo, além de experimentar e desenvolver sua própria estética sonora e visual.

“A Neptunea é um grande laboratório para mim. É o primeiro projeto onde eu componho, gravo e produzo em totalidade, com exceção à mix e master. Então, muitos dos processos envolvidos estão sendo experimentados pela primeira vez na minha vida e cada single que eu finalizo é resultado de muito trabalho, autoconhecimento, aprendizado e superação.” finaliza Rafa Bulleto.

A faixa “Eles Vivem” é uma composição de Rafa Bulleto, também produzida pelo mesmo. Já a mixagem e masterização ficaram por conta de Felipe Magrinelli e Estúdio Tabuleiro, respectivamente. O clipe foi filmado e dirigido por Elisa Oieno, o roteiro foi escrito por Elisa, Victor José, Ana Zumpano e Rafa, todos do Antiprisma, e o figurino e a caracterização foram criados por Ana Zumpano (Echo Upstairs, Bumbo Caixa, Antiprisma e Neptunea)

Diego Fernandes Escrito por:

Bebedor desenfreado de café e averso a picanha, Diego é desenvolvedor front-end e professor. É o fundador do Duofox. Na literatura não vive sem os russos Dostoiévski e Anton Tchekhov e consegue "perder" tempo com autores da terra do Tio Sam, Raymond Chandler e Melville. Acredita que a arte de maneira geral é a única forma de manter o ser humano pelo menos acordado, longe do limbo que pode levar a humanidade à Encruzilhada das Almas.

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *