O que rolou no primeiro aniversário do Raro zine!!!

Fomos convidados para festa do Raro zine, projeto do nosso amigo German Martinez, que acompanhamos desde o início. Algo que começou pequeno e tem tornado-se referência em vários circuitos do rock. A tarde começou agradável, com o a presença de I am the sun, Stoner Rock bragantino? Sim Bragança Paulista tem Stoner, que Nenê Pister o diga. Aquela bateria pesada que você ouve no Kyuss e diz “Incrível”. Além das canções da banda, tocaram Queens of The Stone Age e Red Fang, dispensa qualquer comentário.

iamthesun-duofox

Na sequência Betterman com HC melódico bonito de se ver, as guitarras sincopadas e numa sincronização de dar inveja a muita banda que faz este tipo de som.

betterman-duofox

Estteio veio com HC na linha da Dischord, lembrando Jawbox, Dagnasty e Jawbreaker.
Show de instrumental e performance destruidora, showzaço!!!

esteio-duofox

Fechando esta festa bonita, o incrível Quenga Mor, Punk rock da cidade de Socorro, com influências que vão do Black Flag a Tião Carreiro e Pardinho. Descontraídos e divertidos, o Quenga Mor faz aquele Punk 77 que todos gostam e poucos fazem, por ironia do destino tocarão no 3º Moagem Rock Festival dia 14/03.

quengamor-duofox

Para finalizar, foi uma noite divertida, com bandas ótimas e pessoas se divertindo, receita daquele bolo de laranja da vovó, que sempre funciona. Agradecemos ao German, não só pela amizade, mas por este festival do aniversário do Rarozine que foi ótimo e de custo popular, onde  qualquer pessoa pode se divertir com pouco. Aguardamos o próximo ansiosamente. Parabéns a organização do festival e a Casa das Mangueiras.

Diego Fernandes Escrito por:

Bebedor desenfreado de café e averso a picanha, Diego é desenvolvedor front-end e professor. É o fundador do Duofox. Na literatura não vive sem os russos Dostoiévski e Anton Tchekhov e consegue "perder" tempo com autores da terra do Tio Sam, Raymond Chandler e Melville. Acredita que a arte de maneira geral é a única forma de manter o ser humano pelo menos acordado, longe do limbo que pode levar a humanidade à Encruzilhada das Almas.

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *